Sem categoria

Debate sobre a representatividade de negros e LGBTs no cinema marca segunda noite de festival

Como na noite de abertura, quem prestigiou a segunda exibição da mostra competitiva do Festival de Cinema de Santa Cruz do Sul pode acompanhar o debate com os diretores e atores dos a href=http://festivalsantacruzdecinema.com.br/2018/10/25/noite-de-mostra-nacional-mexe-com-a-emocao-do-publico/curta-metragem apresentados na noite de Quarta-feira, 24/a. Os convidados para esse bate-papo foram Nando Cunha(telentrega), Fred Luz e Carla Elgert (Intimidade), Bruno Rubim (Lençol de inverno) e Sara (quebra cabeça de Sara). A mediação ficou a cargo da fotografa Santa Cruzense Dulce Helfer, que propôs que todos os convidados contassem sua trajetória no cinema. Fred Luz foi o primeiro a falar, e contou um pouco de sua experiência profissional. Ele que é natural de Santa Cruz doContinue reading

Sem categoria

Noite de Mostra Nacional mexe com a emoção do público

Os cinco curtas metragens exibidos na segunda Mostra Competitiva Brasil do Festival Santa Cruz de Cinema provocaram angústia, tensão, medo, entre tantos outros sentimentos, no público, que compareceu em peso no Auditório Central da Unisc. A noite começou sensual e colorida, com emRapaz em Amarelo, /emdirigido por Lucas Hossoe. O filme mostrou os fetiches sexuais de colegas de trabalho. A tensão sexual que existia entre os dois homens perpassou a tela, mas também provocou mistério, enquanto o público esperava pelo desenrolar da paquera. Em tom mais tranquilo, emLençol de Inverno/em é exibido no festival. Com direção de Bruno Rubim, aContinue reading

Edição 2018, Imprensa

Mostra Anima Santa Cruz é recebida com grande número de espectadores

Aconteceu nesta quarta-feira, 24, no Cine Santa Cruz, a mostra de filmes de animação produzidos em todo o Brasil. Nomeada como Mostra Anima Santa Cruz, foram exibidos no evento nove produções em curta-metragem. Com a sala lotada, os curtas foram apreciados da melhor maneira: com algumas risadas, olhares atentos e aplausos ao final de cada exibição. Cada curta apresentou elementos diferentes. Cenários e questões distintas retrataram temas como a solidão, os sonhos, as aventuras e a tecnologia. Para as alunas do colégio Polivalente, Gabriele Couto e Maria Vitoria de Oliveira a exibição foi marcante. Gabriele conta que entre os curtasContinue reading

Edição 2018

O que a comunidade santa-cruzense e região pensa sobre um Festival de Cinema em SCS

De 23 a 26 de outubro Santa Cruz do Sul e região tem a oportunidade de viver intensamente a sétima arte. A realização do Festival Santa Cruz de Cinema – 1ª edição – tem como objetivo transformar o município em um centro de produção, vivência e disseminação do cinema. Mas o que a comunidade santa-cruzense e da região pensa sobre a realização do evento? Perguntamos aos visitantes da Mostra Competitiva Brasil para descobrir. Zarita Armborst é professora aposentada e moradora de Santa Cruz do Sul. Ela apoia a iniciativa e a define como muito boa, pois, em sua concepção, tudoContinue reading

Edição 2018

Mostra Competitiva Brasil impressiona em primeira noite de exibição

Casa cheia para a primeira noite de exibição dos filmes e documentários selecionados para a Mostra Competitiva Brasil, do primeiro Festival Santa Cruz de Cinema. Foi no Auditório Central da Universidade de Santa Cruz do Sul que as cinco primeiras produções concorrentes ao Prêmio Tipuana foram apresentadas à comunidade de Santa Cruz e região, nesta terça-feira (23). Com temas latentes e fortes, a exibição foi impactante, conforme define o mediador do debate pós-exibição, Mauro Ulrich, editor de variedades do jornal Gazeta do Sul. Acúmulo, Flecha Dourada, Tekoá Koen-Ju, O Mar de Helena e Cabelo Bom, impressionaram, divertiram e emocionaram. FicçãoContinue reading

Edição 2018

Festival discute o cinema como poder de transformação

Os filmes foram exibidos. Os representantes das produções estavam lá. O debate aconteceu. Artistas, cineastas e público mergulharam, após a primeira noite do Festival Santa Cruz de Cinema, em uma discussão sobre fazer e viver a sétima arte. No palco, Fernanda Etzberger e Louise Clós (emO mar de Helena/em), Sarah Duarte (emAcúmulo/em), Helena Poetini (emTekoá Koen-ju/em) e Swahili Vidal (emCabelo bom/em). Os realizadores representaram os curtas metragens selecionados pela comissão julgadora para a mostra nacional. Além desses, o filme emFlecha Dourada/em também foi indicado, mas não teve representante na terça-feira. O jornalista Mauro Ulrich mediou o bate-papo, que teve comoContinue reading

Edição 2018

Direção de arte abre a semana de oficinas no Festival Santa Cruz de Cinema

Aconteceu nesta tarde de terça-feira, 23, a oficina Da concepção ao set: direção de arte, cenografia e pintura de arte ministrada pela diretora de arte e produtora da Pé de coelho Filmes, Maiara Fantinel. A oficina focou em táticas importantes para a preparação de cenários e objetos. Na primeira parte, Maiara explicou como funciona a direção e produção de arte, a partir da intervenção em objetos, figurinos, maquiagem e artes gráficas. Além disso, ainda destacou as funções de profissionais que compõem a equipe de produção de arte: cenotécnico, aderecista (fabricam os objetos), pintor, pintor de arte e eletricista. Um dosContinue reading

Sem categoria

Na vida e na arte: curta propõe mergulho na intimidade e no amor

Um casal apaixonado na vida e na arte. O resultado disso? Uma produção que promete um mergulho na intimidade e no amor. Essa é a proposta de Intimidade, com direção do santa-cruzense, Fred Luz, e que concorre na Mostra Competitiva Brasil, no primeiro Festival de Cinema de Santa Cruz. No elenco, a porto-alegrense Carla Elgert. Carla e Fred contam que o curta parte de uma combinação muito feliz: uma atriz que transborda e um diretor apaixonado por contar histórias. O processo criativo foi quase um exercício de dois profissionais que se amam e que se somam. O curta começou (eContinue reading

Edição 2018

Curta propõe reflexão sobre o feminino

Intenso, difícil e muito educativo. É assim que Thais Fernandes, 34 anos, diretora de emUm corpo feminino,/em descreve seu processo de produção. No documentário, mulheres de diferentes gerações, classes sociais e origens são questionadas sobre como definem o corpo feminino e o que ele representa para a sociedade. “O filme nasceu como longa e no processo de lapidação da ideia virou um projeto transmídia, um curta e uma plataforma interativa, que ainda está em construção, acessada através do endereço   a href=http://www.afemalebodyproject.com/index-port.phpwww.umcorpofeminino.com.br/a”, explica Thais. Formada em Jornalismo pela Famecos/PUCRS e atuando na área cinematográfica desde 2006, ela assina também o roteiro, a pesquisaContinue reading

Edição 2018

Luta haitiana representada na Mostra Competitiva Brasil

Quando as primeiras ideias para o filme Fè Mye Talé começaram a tomar forma, em 2013, o diretor e roteirista, Henrique Lahude, não imaginava que cinco anos mais tarde a produção estaria concorrendo na mostra nacional do primeiro Festival de Cinema de Santa Cruz do Sul. A seleção para a Mostra Competitiva Brasil, conta Lahude, está muito além de qualquer expectativa. “Inscrevemos o filme dentro da categoria regional e jamais imaginamos que ele pudesse dividir a tela numa mostra com produções tão importantes de todo o Brasil. É uma grande responsabilidade compor com uma mirada regional esse mosaico de perspectivasContinue reading